Efeito Napster

50403

Qualquer ideia que se coloca neste momento passa pela situação calamitosa que o país assiste. Uma revolução midiática se faz presente. Não aquela revolução que havíamos planejado anos atrás. Uma revolução sem perdedores. Aquela onde a humanidade pudesse florescer como um campo na primavera. Talvez fosse utopia pensar numa transformação tão silenciosa que num piscar de olhos modificaria o estado de ânimo dos seres humanos e a colaboração e generosidade passariam a comandar as ações. Bullshit!

Mas tenho uma tese, uma ideia que não sai da minha cabeça. Estamos vivendo um momento onde o efeito napster prevalece.

Deixe-me explicar: chamo de efeito napster as rupturas causadas pela entrada da internet na equação da sociedade. O Napster apareceu no final dos anos 90. Sean Park teve uma batalha animal com as gravadoras. Nos tribunais, ele perdeu. Mas o impacto do Napster na indústria da música nunca mais se esqueceu.

O efeito napster é sobre disponibilização de arquivos digitais vs. as instituições caretas. A indústria da música tinha um modelo de negócio que foi desbancado pela distribuição das pessoas em redes. Assim aconteceu também em hollywood, na indústria de software (na verdade, foi o software livre que deu gás para todas as outras rupturas, inclusive o napster), nas enciclopédias, nos serviços. O mundo dos negócios não é mais como aquele que conhecemos. Tudo mudou.

Na política não é diferente. Como fazer politicagens grosseiras num ambiente onde a transparência e o fluxo da informação acontecem na velocidade da luz. Não existe mais espaço para segredo. A wikileaks é exemplo. E, Assange está em asilo permanente para evitar os dentes pontiagudos dos conservadores. O sistema rompeu. Não haverá mais tempo bom para aqueles que queiram escamotear e se esconder por trás das mentiras do dia-a-dia. A grande imprensa ruiu. E, agora é a hora das pessoas comuns.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s